Anoreg/BR – Projeto “Cartórios Acessíveis” busca tornar todos os cartórios inclusivos para surdos

O projeto “Cartórios Acessíveis” é uma iniciativa do ICOM, Plataforma de Atendimento em Língua de Sinais, em parceria com a ANOREG Brasil para tornar todos os cartórios inclusivos para surdos.

 

No dia 20 do mês passado, no interior do Rio Grande do Sul, uma senhora precisou dar entrada em uma procuração para ficar responsável pela assinatura de seu marido. Ele precisa de remédios controlados, mas, devido ao nível de Alzheimer, não tem mais condições de escrever sua assinatura. Há um agravante neste episódio: o casal que deu entrada no pedido em questão é surdo.

 

Se qualquer pessoa que passa por isso já se comunica de forma mais difusa, pense em um surdo nesta situação. Felizmente, a história não se tornou mais desgostosa: o casal conseguiu se comunicar facilmente e teve seu pedido atendido em minutos. Isso por uma sorte muito grande de todos os envolvidos: o notário que os acompanhava no momento acionou o canal em Libras dos cartórios do Rio Grande do Sul para realizar seu atendimento. Com a pronta resposta de um intérprete de Libras do ICOM, foi possível estabelecer um diálogo para melhor encaminhamento, evitando deixar a situação ainda mais delicada.

 

Cenário da comunidade surda no Brasil

 

Estamos falando de pessoas, de cidadãos que, por terem surdez, têm de enfrentar uma muralha de dificuldades de acesso todos os dias em suas vidas. Segundo dados levantados em 2010 pelo IBGE, pelo menos 2,2 milhões de brasileiros têm grande dificuldade ou não escutam de modo algum.

 

ICOM, Plataforma de Atendimento em Língua de Sinais

 

O ICOM, Plataforma de Atendimento em Língua de Sinais, surge em 2017 como uma iniciativa da AME, ONG referência na inclusão de pessoa com deficiência com mais de 30 anos de atuação no Brasil, para atender a este público com a velocidade de um canal de internet com vídeo para fazer traduções simultâneas. Ao longo destes cinco anos, tivemos mais de 1,4 milhão de chamadas, totalizando 195 mil horas de atendimento e mais de cem mil usuários impactados. Hoje, o ICOM, tem uma estrutura robusta, com centenas de intérpretes e pelo menos 140 parceiros tanto na área privada como pública. Pesquisa que realizamos neste ano para avaliar o atendimento resultou em um índice de satisfação do cliente de 91%.

 

Em parceria com a Anoreg/BR, o ICOM tem por objetivo acessibilizar todos os cartórios do país

 

Com lançamento no dia 22 de maio de 2023, anunciaremos com muito orgulho a recém parceria entre o ICOM e a ANOREG Brasil, que virá para levar inclusão a todos os serviços notariais e registrais, possibilitando que todos consigam atender um surdo com velocidade, interatividade e acessibilidade. Todos os dias da semana, 24 horas por dia.

 

Para tornar acessível a parceria, os notários e registradores devem se cadastrar na página: https://lp.icom-libras.com.br/cartorios/

 

Cartórios em compliance com Leis de acessibilidade e políticas ESG

 

Por fim, acrescentamos que, desde 2015, ano da promulgação da Lei nº 13.146, que trata sobre a inclusão de Pessoas com Deficiência e a Lei nº 10.436/2002 que dispõe sobre a Linguagem Brasileira de Sinais, o ICOM vem trazendo inovações para auxiliar na acessibilidade para a comunidade surda, bem como a Anoreg-BR busca oferecer recursos que contribuam na melhoria do atendimento e acessibilidade para todos.

 

Não apenas pela lei, mas pelo respeito às diferenças, é importante que os notários e registradores estejam preparados para atender bem a todos.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Anoreg/BR, com informações da ICOM

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

imagem_materia (5)

Aprovada Frente Parlamentar do Serviço Notarial e Registral

senado-aprova-reforma-previdencia

Governo desiste de urgência em projeto de lei das falências no Senado

financiamento-imobiliario-casa-propria-economia-imovel-1500055994112_v2_1920x1280

Você conhece o Fórum de Desenvolvimento Imobiliário?

Rolar para cima
Pular para o conteúdo