Provimento CGJ 42/2023 altera o Código de Normas da Corregedoria Geral da Justiça do Estado do Rio de Janeiro

Altera o Código de Normas da Corregedoria Geral da Justiça do Estado do Rio de Janeiro – Parte Extrajudicial e dá outras
providências.

O Corregedor-Geral da Justiça, Desembargador MARCUS HENRIQUE PINTO BASÍLIO, no uso de suas atribuições legais e
regimentais;

CONSIDERANDO competir à Corregedoria Geral da Justiça o planejamento, supervisão, coordenação, orientação, disciplina e
fiscalização dos serviços notariais e registrais (art. 21 da LODJ);

CONSIDERANDO a necessidade de aprimoramento do Código de Normas da Corregedoria Geral da Justiça – Parte Extrajudicial;

CONSIDERANDO não haver necessidade do encaminhamento, por parte dos tabelionatos e ofícios de registro, da comunicação de
descarte ao órgão gestor de arquivos;

CONSIDERANDO as normas legais em vigor em relação à preservação do meio ambiente e da sustentabilidade, não ser
recomendada a incineração dos documentos elimináveis;

RESOLVE:

Art. 1º. O Código de Normas da Corregedoria Geral da Justiça – Parte Extrajudicial passa a vigorar com as seguintes alterações:

“Art. 80. Os tabelionatos e ofícios de registro poderão reciclar seus documentos arquivados observando as prescrições contidas neste Código e na tabela de temporalidade elaborada pelo Tribunal de Justiça.

§ 1º. O termo de descarte, após a conclusão do procedimento, deverá conter as seguintes informações:

…………………………………………………………………………….
VI – nome e assinatura do responsável pela seleção dos documentos eliminados.

…………………………………………………………………………….
Art. 2º. Este Provimento entrará em vigor na data da sua publicação.

Fonte: Diário Oficial do estado do Rio de Janeiro

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

1-22

Migalhas – Responsabilidade solidária dos tabeliães, escrivães e demais serventuários de ofício – Por Kiyoshi Harada

https__img.migalhas.com.br__SL__gf_base__SL__empresas__SL__MIGA__SL__imagens__SL__2023__SL__11__SL__17__SL__cropped_n5zzcsin.ysb.jpg._PROC_CP75CCH31622400

Escrow account: Marco das garantias possibilita conta intermediada por tabelião

Imagem-1-300x200

TJMS anula venda do imóvel pertencente a um casal sem autorização da mulher

Rolar para cima
Pular para o conteúdo